Gestantes: avaliem seus nódulos de tireóide e certifiquem-se se são malignos antes do parto.

“Este trabalho alerta sobre o risco da paciente engravidar com nódulo de tireóide, especialmente se ela não souber que ele é maligno. É importante que as portadoras de nódulos tireoidianos sejam muito bem investigadas antes de engravidar ou no início da gestação, fazendo a caracterização e classificação do risco de malignidade do nódulo tireoidiano utilizando-se o protocolo completo de investigação da tireóide, o que inclui a ultrassonografia de alta resolução (classifica-se como padrão benigno, maligno ou duvidoso cada lesão), o estudo com Doppler colorido (classifica-se como padrão hipovascularizado, hipervascularizado, variável, periférico e similar) e o Elastográfico (analisa-se a consistencia da lesão e suas dimensões). Caso o nódulo seja maligno ele pode crescer muito e  ter comportamento mais agressivo, caso a paciente esteja grávida.”

Veja o artigo
Versão em inglês

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s